• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • rafael paint
    • pastoral 2
    • trabalho escravo
    • Logomarca-do-Ministrio-Pblico-do-Trabalho-MPT
    • agrotoxico
    • Forum II
    • MPT-MT tem novo horário de funcionamento
    • MPT quer garantir cumprimento de normas de saúde e segurança em supermercados de Cuiabá e VG
    • MPT em Mato Grosso tem novo procurador-chefe
    • Parceria entre MPT e Escritório da ONU viabilizará reforma do Centro de Pastoral para Migrantes de Mato Grosso
    • Flagrantes de trabalho escravo chegam a 1.723 em 2018
    • MPT obtém liminares contra Município de Sorriso e cooperativas responsáveis pela manutenção de iluminação pública e coleta de lixo
    • MPT divulga balanço das ações de 2018
    • Comitê formado por MPT, TRT e OAB destina mais de R$ 2 milhões a projetos sociais
    • MPT lança cartilha sobre violência contra a mulher no mercado de trabalho
    • MPT e IFMT firmam parceria para implantar projeto de fazenda agroecológica
    • Usina de Jaciara é condenada em cinco ações do MPT e pagará no total R$ 1,3 mi por danos morais coletivos
    • JBS de Colíder pagará R$ 1 mi de indenização por danos morais coletivos e dumping social
    • Grupo econômico familiar de MT é condenado a pagar R$ 6 milhões por trabalho escravo
    • MPT em Quadrinhos: nova edição aborda os 30 anos da Constituição
    • Trabalhadores do Ceará transportados em baú de caminhão são resgatados em Sinop
    • Resultado de pesquisa na Bacia do Juruena é divulgada em reunião do Fórum Mato-Grossense de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos

    MPT vai avaliar falhas nas normas de segurança no trabalho na tragédia de Brumadinho

    Caso de Mariana impôs maior rigor em procedimentos para reduzir acidentes de trabalho

    28/01/2019 - O Ministério Público do Trabalho (MPT) integra força-tarefa institucional criada na noite de sexta-feira (25) e vai aproveitar a experiência da atuação no acidente de Mariana (MG) há três anos, também por rompimento de barragem de rejeitos de minério, no caso de Brumadinho. O objetivo é aperfeiçoar as normas de segurança de trabalho e adotar procedimentos para reduzir riscos de novos acidentes de trabalho em área de mineração. Será realizado um diagnóstico do desastre pela força-tarefa, com vistas à apuração de responsabilidades criminal, civil e trabalhista, diz nota divulgada neste domingo (27).

    Imprimir

    Flagrantes de trabalho escravo chegam a 1.723 em 2018

    28/01/2019 - Foram encontrados 1.200 trabalhadores em condições análogas às de escravo no campo enquanto que na área urbana o número foi de 523 ocorrências.

    O número de trabalhadores flagrados em condições análogas às de escravo chegou a 1.723 em 2018. É o que mostram dados da Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT), ligada ao Ministério da Economia. Segundo o levantamento, foram flagrados 523 trabalhadores em condições análogas às de escravo em área urbana enquanto que no meio rural houve 1.200 casos. Em 2017, a SIT registrou 645 trabalhadores encontrados nessa situação.

    Imprimir

    Prêmio MPT de Jornalismo 2018 tem 27 finalistas

    21/01/2019 - O Prêmio MPT de Jornalismo 2018 chega à fase final com 27 trabalhos de todas as regiões do país. Os finalistas venceram nas suas respectivas etapas regionais e estão entre as 395 produções inscritas no concurso. Os vencedores (confira a lista) serão conhecidos durante uma cerimônia em 5 de fevereiro, na sede do Ministério Público do Trabalho, em Brasília.

    Imprimir

    Aprendizagem: Coordinfância edita orientações para melhorar e aumentar número de vagas

    Normas tratam da contratação de jovens por empresas de trabalho temporário e do cumprimento alternativo da cota

    21/01/2018 - A Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Coordinfância), do Ministério Público do Trabalho, editou duas novas orientações gerais sobre aprendizagem: nº 21 – contratação em empresas de trabalho temporário – e nº 22 – cumprimento alternativo da cota. Os textos foram aprovados em novembro de 2018, durante reunião nacional.

    Imprimir

    • banner abnt
    • banner transparencia
    • banner pcdlegal
    • banner mptambiental
    • banner trabalholegal
    • banner radio
    • Portal de Direitos Coletivos